Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




És livre :)

por Okay ;), em 19.08.14

Posso-te dizer que foste, até hoje, das pessoas mais importantes que passou na minha vida. Foste a melhor coisa que me aconteceu e em oposição a pior também. Foste a pessoa que mais marcou o meu coração e, espero que de alguma forma, eu também te tenha marcado e que guardes para ti um pouco daquilo que vivemos. Gosto e conforta-me pensar que o fazes.

 

Ainda estou magoada, ainda dói, mas aos poucos a ferida tem vindo a sarar. Não com a tua ajuda. Não. Tu não quiseste saber mais do estrago que fizeste no meu coração e na minha vida, seguiste com a tua e sei que és feliz. Mas não te condeno (mais) por isso. Foi o melhor para os dois.

 

Eu caí e bati no fundo, levantei-me e voltei a cair. Mas tive as pessoas certas à minha volta. E, apesar de querer ter-te ao meu lado, não precisei de ti para nada. O que é certo é que hoje estou de pé e não o fiz por ti nem por ninguém. Fi-lo por mim.

 

Não me arrependo de nada. Não me arrependo de te ter conhecido. Não me arrependo das coisas que sabes que fiz por ti. Foi tudo sentido e vivido. Cada beijo, cada abraço, cada palavra, cada entrega. Foi sentido e vivido e tu sabes disso.

 

Hoje ouvi algumas das nossas músicas e não chorei. Hoje recordei alguns dos nossos momentos e sorri. Hoje percebi que não passas de uma mera lembrança do passado que se tem vindo a esfumar cada vez mais.

 

Talvez eu não te ame mais, ou talvez não te ame com a intensidade que um dia te amei e que sei que nunca amarei ninguém. Talvez eu ame os momentos que passamos juntos, mas não ame mais a pessoa que tu és.

 

Sou uma pessoa diferente daquela que em tempos conheceste. Menos inocente. Menos ingénua. Mais desconfiada. Mais fria. Mais assertiva. Não digo isto para que te sintas culpado. Embora saibas que tens a tua cota parte de culpa. Mas digo-o porque hoje sou uma pessoa mais forte. Fui obrigada a sê-lo.

 

Agradeço-te. Não por teres partido o meu coração em mil pedaços e os teres encondido sem teres deixado qualquer pista para que os pudesse encontrar. Agradeço-te por me teres feito feliz. Agradeço-te por me teres ensinado o verdadeiro significado da palavra amor. Agradeço-te por um dia teres entrado na minha vida.

 

Hoje deixo-te livre e ao mesmo tempo liberto-me de ti.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:27


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



That's me ;)

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D